sex., 22 de jan. | Ferramenta ZOOM Meeting

SOLOS na Rede

O Solos Coletivo de Dança Contemporânea traz para o Experi-Curatorial Lab as obras 'OLOKUN', de Elísio Pitta, e 'O TANTO QUE TE QUIS', de Wolnei Macena.
O registro está fechado
SOLOS na Rede

Horário e local

22 de jan. 20:00 – 20:40 BRT
Ferramenta ZOOM Meeting

Sobre o evento

O Solos Coletivo de Dança Contemporânea traz para o Experi-Curatorial Lab as obras 'OLOKUN', de Elísio Pitta, e 'O TANTO QUE TE QUIS', de Wolnei Macena.

Sextas-feiras, 1,8 e 15 de janeiro de 2021, às 20:00 BRZ

Ingressos - R$20,00

As apresentações são seguidas por 15 minutos de conversa

SOLOS COLETIVO DE DANÇA NEGRA CONTEMPORÂNEA (SCDNC)

É um projeto que tem suas fundamentações em uma visão do mundo contemporâneo diaspórico, onde busca afirmação e caminhos para desenvolver diálogos, acolher, inspirar e criar obras artísticas advindas desse universo, ao tempo em que catalisa profissionais de outras linguagens artísticas com o propósito de celebrar a dança.

OLOKUN por Elísio Pitta

Em todo o mundo habitado, em todos os tempos e em todas as circunstâncias, os mitos do homem floresceram; e eles têm sido a inspiração viva de qualquer outra coisa que possa ter aparecido através das atividades do corpo humano e da mente. Não seria demais dizer que o mito é a abertura secreta através da qual as energias inesgotáveis do cosmos derramam-se nas manifestações culturais humanas. Religiões, filosofias, artes e as formas sociais do homem primitivo e histórico, as principais descobertas em ciência e tecnologia, e os próprios sonhos que afloram do círculo básico e mágico do mito.

Olokun , é um espetáculo de Dança Negra Contemporânea/Teatro Físico que se utilizará de elementos da simbologia da dança dos Orixás, da dança moderna, do teatro, e de outros elementos da ancestralidade africana. O espetáculo irá unir linguagens artísticas: - dança, vídeo, projeções, cenários e imagens para compor a ambientação e dar um sentido realístico a sentimentos antagônicos que se exprimem nos seres humanos. Nesse episódio narramos a ocasião da visita feita por um ser mitológico à sua contraparte. Olokun em algumas locais em África é Yemanjá, no Benin a sua representação é masculina já na Nigéria é feminina. No Brasil e nas regiões da diáspora ela habita as águas azuis dos oceanos, em África dizem ser os seus domínios as águas escuras profundas – abissais.

O cenário é composto por um elemento que simboliza as crateras do mar, ao tempo que se transforma em uma vestimenta, uma grande saia de algas para adornar o corpo de Olokun. As folhas para a realização do ritual de preparação e purificação durante a transformação dele(a) nele(a) mesmo. E a projeção de um fundo de mar, predominante da habitação de Olokun.

FICHA TÉCNICA

Criador/intérprete: Elisio Pitta

Direção Artística: Gatto Larsen

Cenário e Figurino: Alberto Pitta

Iluminação: Rivaldo

Direção Musical: Ivaldino Junior

Produção Executiva: Renata Campos

Espaço de Transmissão: Sala Cênica da MatA

O TANTO QUE EU TE QUIS por Wolnei Macena

O tanto que Eu te quis! Uma “residência itinerante”, um desabafo, um check list nas artes, na dança, minha razão e sentidos. Uma imersão...um reencontro com Elísio Pitta, um paralelo de nossas experiências profissionais: os EUA / a Europa; a América do Sul / o Brasil. Mais de 35 anos vivendo em realidades diferentes...e o que vem a tona quando essas realidades se encontram? Hoje me vejo mais conciso, direto e maduro, mas tudo já estava aqui, desde sempre, intuitiva e organicamente, foi só percebido por outra ótica, por um novo olhar adquirido com o tempo...Nove meses...uma gestação...a minha reintegração ao movimento, a minha origem. Exaltar o tempo, o espaço e as circunstâncias do antes, do durante e do agora, um processo de investigação: as experiências, as percepções, as vivências pela cidade de São Paulo nos dias de hoje, caminhando lado a lado, constatando a realidade atual, revendo as antigas memórias. A inspiração vinda da poesia "O tanto que Eu te quis!" do poeta urbano Alessandro Jamas foram um “start" impulsionando minhas realizações....Viver é contemplar experiências!

Concepção, criação e interpretação / Wolnei Macena

FICHA TÉCNICA

Direção Cênica / Felipe Chepkassoff

Figurino / Jerônimo Vitor

Curadoria / Tânia Reis Cult

Assistente administrativa / Grazi Carvalho

Fotografia / Milton Jesus

Realização / Espaço Canto dos Reis - SP

Espaço de Transmissão / GARAGE Cênica SP

A E-Fórum Artes e Ideias está viabilizando o Experi-Curatorial Lab aqui no Brasil em parceria com a WoodShed Dance Platform (EUA).

Ingressos
Preço
Qtd
Total
  • SOLOS na Rede
    R$20
    + taxa de serviço de R$0.50
    R$20
    + taxa de serviço de R$0.50
    0
    R$0
TotalR$0

Compartilhe este evento