Músico, Professor, Ativista do Movimento Negro e Estudioso em historiografia Africana. Percussionista há 14 anos, sua formação teve início no Instituto Oyá, onde através das aulas de música, teatro, capoeira e dança. Identificou muito cedo que a arte era o caminho a ser seguido.

 

Tornou-se monitor do projeto que entrara inicialmente como aluno, partindo para a Banda Cortejo Afro e fazendo parte de alguns projetos como; Balé da Mata (Elísio Pitta), Tradições de uma Bahia (Denis Silva), Grupo de Teatro É o Quadrado com oficinas de Percussão, Afro&Arte (Igas Eloy) Cofundador do Kilombo da Zefa e do CRP – Coletivo Resistência Preta.

Como um dos trabalhos artísticos mais recentes músico convidado para compor parte da trilha sonora do documentário “Alafijú”. Diretor Musical nos Espetáculo Olokun e Rio Sem Magens, ambos interpretados por Elísio Pitta e com Direção de Gatto Larsen. Musico e arranjador na Gravação do Espetáculo de 10 Anos da Cia Tradições e também como Músico e arranjador no Espetáculo Levante do Rio Joanes, projeto contemplado pela Lei Aldir Blanc.

 

Atualmente compõe a Sociedade responsável pela gestão da Plataforma E-Fórum Artes e Ideias e em paralelo segue com as atividades que mais lhe dão prazer, que são as intervenções comunitárias em bairros periféricos de Salvador representando instituições como CRP e Instituto Oyá.

Playing a Drum